“Cem anos de solidão” e o massacre de Aracataca

KAREN GARCÍA DELAMUTA [1], PRISCILA ENGEL [2] & SILVIA BEATRIZ ADOUE [3] [4]   Resumo Neste trabalho tratamos das relações entre Literatura, História e trauma pelo estudo do relato do massacre acontecido em Aracataca (Colômbia) em 1928 na trama do romance de Gabriel García Márquez Cem anos de solidão. O autor, nascido nessa cidade um … Continue lendo “Cem anos de solidão” e o massacre de Aracataca

Esaú e Jacó: Machado de Assis retrata esteticamente a transição da Monarquia para a República

CARLOS RUSSO JR.* Esaú e Jacó, escrito em 1904, é uma das últimas e mais importantes obras de Machado de Assis. Ele nunca deixou de tratar as questões de cunho político-social de forma profunda e ironicamente mordaz, é nessa narrativa, entretanto, que o Bruxo do Cosme Velho vai fundo na crítica à conformação política do … Continue lendo Esaú e Jacó: Machado de Assis retrata esteticamente a transição da Monarquia para a República

Despedida olímpica

JACQUES GRUMAN* Neste início de ressaca das Olimpíadas, cidade removendo a maquiagem, narradores bufões buscando novos mercados para se esgoelarem e atletas que brilharam em esportes ignorados pela mídia voltando ao ostracismo (a fila anda), reflito sobre o comportamento da torcida brasileira nas várias competições. Antes de entrar nesta questão, destaco duas estranhezas. A mídia, … Continue lendo Despedida olímpica

Relativismo unidimensional

FÁBIO RIBEIRO VIANA* Por menos que boa parte das pessoas não apreciem o envelhecimento (inclusive chamando-o de “melhor idade” e outros eufemismos politicamente corretos), percebo que estar próximo dos 50 anos trás boas vantagens. Uma delas é saber diferir modismos e fases, de coisas que de fato possuem consistência. Da mesma forma, é possível comparar, … Continue lendo Relativismo unidimensional

Outro Nietzsche – Arte, Cinema e Palavras

UBIRACY DE SOUZA BRAGA* “Há homens que já nascem póstumos”. Friedrich Nietzsche Friedrich Wilhelm Nietzsche foi um filólogo, filósofo, poeta e compositor alemão do século XIX. Escreveu vários ensaios críticos sobre a religião, a moral, a cultura contemporânea, filosofia e ciência, exibindo uma predileção por metáfora, ironia e aforismo (cf. Kaufmann, 1974). Metodologicamente as ideias-chave … Continue lendo Outro Nietzsche – Arte, Cinema e Palavras