Redes sociais: o moderno canto das sereias para flanêurs on-line

RUI BRAGADO SOUSA Em 2013 escrevi um texto intitulado “Um saco de batatas, spray de pimenta e vinagre: a salada insossa dos recentes protestos populares”, referente aos movimentos que tinham o ideal do “Passe livre”, mas se degeneraram de forma heterogênea e inconstante (“apolíticos”) por todo o país. A tese era centrada na análise histórica … Continue lendo Redes sociais: o moderno canto das sereias para flanêurs on-line

Anúncios

Boris Pasternak e “Dr. Jivago”

CARLOS RUSSO JR.*   “Todos os grandes poetas russos, para quem os versos eram o próprio destino, escreveram de acordo com métodos clássicos, e cada um tem uma entonação não repetível, pura. Notem que as possibilidades dos versos russos são ilimitadas” (V. Chalamov, autor de Contos de Kolimá). Boris Pasternak é um homem de seu … Continue lendo Boris Pasternak e “Dr. Jivago”

Karl Kautsky e as origens do Cristianismo

LUIZ ALBERTO MONIZ BANDEIRA*** Karl Kautsky (1854-1938), nascido em Praga e educado em Viena, foi o legatário de Karl Marx (1818-1883) e de Friedrich Engels (1820-1895), com os quais estabeleceu relações de amizade, quando de sua viagem a Londres em 1881. Coube a ele depois compilar e editar os manuscritos de Marx sobre Theorien über … Continue lendo Karl Kautsky e as origens do Cristianismo

Ernesto Che Guevara. Um homem do futuro

ANISIO PIRES* Soube dizer o músico venezuelano Ali Primera, na música que lhe dedicou: “Comandante Che te mataram, Mas em nós deixaram Para sempre tua memória Gravada em moldes de glória”. Por isso, nos dias 8 e 9 de outubro, todos os homens e mulheres que acreditam que Outro Mundo é Possível, vamos lembrá-lo e … Continue lendo Ernesto Che Guevara. Um homem do futuro

Sobre esfihas e guerras

MARCELO GRUMAN* Quem mora nas imediações do Largo do Machado, uma grande praça que divisa os bairros do Catete e Laranjeiras, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, conhece ou, pelo menos, já ouvir falar na Rotisseria Sírio-Libanesa, restaurante na Galeria Condor que diz vender a “melhor comidinha árabe”. Seja de manhã, à … Continue lendo Sobre esfihas e guerras

Das guerras

hypomnemata* o armistício Maio de 1945. O avanço soviético pelo leste e o estadunidense e britânico pelo oeste terminaram de esmagar as forças militares alemãs. Enquanto soldados soviéticos lutavam entre escombros pelas ruas de Berlim, enfrentados por muitos jovens recrutados como recurso militar final, Hitler e outras figuras da cúpula nazista se matavam no bunker … Continue lendo Das guerras

Eternos vira-latas

MARCELO GRUMAN* Recentemente, o canal de esportes ESPN Brasil exibiu um documentário tratando da apropriação política do futebol pelas ditaduras militares sul-americanas. No capítulo sobre o Uruguai, fiquei sabendo que uma das formas que a sociedade civil tinha de protestar pacificamente era através do hino nacional. Nos jogos de futebol no Estádio Centenário, em Montevidéu, … Continue lendo Eternos vira-latas