Itália, de pernas para o ar, discute o que interessa

MÁRIO MAESTRI* A Liga sempre avançou política de direita e racista. Exigiu a exposição do crucifixo nos locais públicos, atacou violentamente os ciganos, em boa parte de nacionalidade italiana. Para chegar ao governo, aliou-se ao Movimento Cinco Estrelas, do artista burlesco Peppe Grillo, ex-comunista, que surgiu com a proposta de dar a palavra ao cidadão, … Continue lendo Itália, de pernas para o ar, discute o que interessa

Hospital público – uma experiência pessoal

REGINA M. A. MACHADO* Meu filho tinha que extrair os quatro dentes do siso, e, com todas as dificuldades causadas pelo autismo, tem medo de tudo que possa ameaçar sua integridade física, mesmo no plano imaginario. A dentista nos tinha orientado para uma clinica particular, grande, bem organizada, seca, globalizada como numa série de TV. … Continue lendo Hospital público – uma experiência pessoal

“Exerção”

LUIZ ROBERTO EVANGELISTA* “...E o desejo muito simples de pedir à mãe que cosa, mais do que nossa camisa, nossa alma frouxa, rasgada...” (Carlos Drummond de Andrade, “A Mesa”) Depois de concluir o curso primário no Anita Garibaldi, fui admitido como aluno no João XXIII, separado do primeiro por uma improvisada parede de madeira compensada, … Continue lendo “Exerção”

Caipira cosmopolita

REGINA M.A. MACHADO* Pois é, trata-se de uma antinomia, uma contradição no emprego conjunto dos dois termos. Mas é isso mesmo. Até diria que isso é eu. Cada vez mais se me torna evidente a caipirice inarredável de meu ser no mundo, apesar de todas as andanças ciganas que a vida me impôs. Pôxa, soa … Continue lendo Caipira cosmopolita

Armadilhas da sensibilidade

Pe. ALFREDO J. GONÇALVES, cs   A sensibilidade tem suas armadilhas. Para alguns, diante da menor ameaça de fora, a sensibilidade leva a uma reação semelhante à de certas flores ou à do caramujo. Retraem-se, encerram-se dentro da própria casa e fecham hermeticamente todas as portas e janelas. Interrompem qualquer contato com o exterior. Outros, … Continue lendo Armadilhas da sensibilidade

Tradução, retradução, edição… Histórias de leitura

REGINA M. A. MACHADO*   Quem estuda a história do café não pode ignorar o clássico estudo de Stanley STEIN, Vassouras, Um município brasileiro do café, 1850-1900 (Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 1990) no qual a grandiosidade da “Velha província”, hoje esquecida, renasce inteira numa análise detalhada tanto das práticas agrícolas quanto da organização social … Continue lendo Tradução, retradução, edição… Histórias de leitura

Silêncio

Pe. ALFREDO J. GONÇALVES, cs À primeira vista, escrever sobre o Silêncio não deixa de parecer uma contradição. Mas logo nos damos conta que a contradição é apenas aparente, superficial. O silêncio, de fato, constitui a fonte primordial e mais cristalina da palavra: palavra viva, libertadora, criativa e autêntica. É somente no terreno fértil do … Continue lendo Silêncio